Olhos d’água - obra de Conceição Evaristo




Conceição Evaristo é, sem dúvida, uma das vozes negras mais eloquentes, principalmente no campo da literatura e mais decididamente da literatura afro-brasileira da contemporaneidade.

Professora e escritora, Conceição é doutora em literatura comparada, mas como ela mesmo diz só aos 70 anos que seus “escritos passam a receber mais atenção”.

Suas obras, portanto, versam sobre diversidade e igualdade, tanto na literatura e permitem descontruir as falácias da democracia racial e da diversidade racial brasileira e foi assim que ela aprendeu a romper com o discurso literário sobre a desigualdade. A maior parte deles construído por homens brancos.

Olhos d’água vem com essa proposta de rompimento, de quebra de paradigmas e retrata com muita sensibilidade a aflição de uma mãe pobre e negra que possui muitas dificuldades para cuidar e criar as filhas. A obra é contada por uma das filhas da mulher e leva o leitor e a leitora a se envolver leitura. É um livro que fala de mim, de você e de todos os que sofrem diariamente as consequências criminosas da desigualdade.

Todos os cinco livros apresentados anteriormente apresentados aqui, os li há alguns anos. Olhos d’água conclui esse ano durante as madrugadas.



Postar um comentário

0 Comentários