Maria Gal entrevista Prof. Dr. Babalawô Ivanir dos Santos

Ivanir dos Santos. (FOTO/ Divulgação).

A coluna faz uma reflexão sobre a presença e visibilidade de pessoas negras no audiovisual.

“Tenho a coluna há um tempo na Vogue Gente. E de um tempo para cá optei em fazer também entrevistas na coluna. E pela primeira vez entrevistei o Babalawô e professor Ivanir dos Santos, o que foi uma honra. É muito importante ouvirmos quem veio antes de nós. A troca e aprendizado de poder conversar sobre a presença do negro no audiovisual brasileiro desde o início da TV. Tenho certeza que esta entrevista trará muita reflexão”, atesta Maria Gal.

Para o Prof. Ivanir dos Santos: “Temos muito o que falar, nossa representativa precisa ser contada, mas da forma correta. Com narrativas qualitativas, feitos e pensamentos transformadores para a sociedade”, atestou Ivanir.

A atriz Maria Gal é também apresentadora, palestrante, criadora de conteúdo e produtora. Já se apresentou no Brasil e no exterior, com prêmio de melhor atriz no Festival de Cinema, em Madrid. Com passagens por diversas emissoras é colunista de diversidade na VOGUE e produz para cinema/TV e mídias digitais conteúdos que têm sinergia com a temática racial e feminina, através de sua produtora "Maria Produtora".

Seu entrevistado, atua há 40 anos em prol das liberdades, dos direitos humanos, das pluralidades contra o racismo e a intolerância religiosa, Ivanir dos Santos recebeu o prêmio International Religious Freedom (IRF), em julho de 2019.

Entregue pelo Departamento de Estado do Governo dos Estados Unidos. Foi o único líder religioso do Ocidente a ser premiado. Ao olhar para a trajetória de vida e militância, dentro e fora da esfera social, cultural, religiosa, política e acadêmica, o seu nome desponta como uma referência. É interlocutor da Comissão de Combate à Intolerância Religiosa (CCIR). Pós-doutorando em História Comparada pela UFRJ (PPGHC/UFRJ). Coordenador de área de pesquisa no Laboratório de História das Experiências Religiosas da UFRJ (LHER). Membro da Associação Brasileira de Pesquisadores Negros (ABPN). Conselheiro Estratégia do Centro de Articulação de Populações Marginalizadas (CEAP), entre outros.

________________

Texto encaminhado ao Blog por Rozângela Silva, Assessora de Imprensa.

Postar um comentário

0 Comentários