Janela partidária desafia base e oposição na Câmara Municipal de Altaneira, por Raimundo Soares Filho


Raimundo Soares Filho. (FOTO/ João Alves).

Ontem (05/03) foi o primeiro dia da chamada "janela da infidelidade" período de pouco mais de um mês que permite a candidatos trocarem de partidos sem sofrer punições da Justiça Eleitoral. Enquanto nos grandes centros, as legendas tentam se adequar às novas regras para o pleito de outubro e já começam a perceber, mesmo em clima de indefinição, novos fluxos para a escolha de filiados, em Altaneira apenas PDT e PSD se movimentaram.

Os atuais membros da Câmara Municipal de Altaneira foram eleitos em duas coligações. A primeira coligação formada por PT/PDT/S0lidariedade elegeram os vereadores, Antonio Leite, Cier Bastos, Flávio Correia, Valmir Brasil e a vereadora Silvania Andrade. Já a segunda coligação constituída pelos partidos PMDB/PSD/PTB/PRP/PSDB/PCdoB elegeram os vereadores Adeilton Silva, Devaldo Nogueira e as vereadores Alice Gonçalves e Zuleide Ferreira.

Ao longo do processo de cassação do prefeito Dariomar Rodrigues (PT) as vereadoras Alice Gonçalves e Zuleide Ferreira e o vereador Devaldo Nogueira aderiram ao prefeito que também ganhou o suplente de vereador Genival Ponciano (PTB).

A base do prefeito atualmente é formada por 4 parlamentares de quatro partidos diferentes e um suplente de um quinto partido.

Com o fim das coligações partidárias a tendência é que os dois grupos sejam formados por apenas dois partidos cada, uma vez nenhum dos parlamentares tem cacife para pleitear candidatura isolada e é muito complicado unir todos os parlamentares em apenas dois partidos.

O PDT e PSD elegeram seus diretórios e estão aptos a receber filiações, já o Solidariedade não tem órgão vigente no Município.

Da base do prefeito, apenas o PSDB, que provavelmente será extinto, tem órgão local vigente, os demais partidos no último levantamento não tinha Comissão Provisória, nem diretório municipal, registrado no TRE.

Correndo por fora o suplente de vereador Paulo Henrique afirmou ao Blog Negro Nicolau que o seu partido apresentará candidatos a vereador de forma independente. O Podemos é um dos 4 partidos regulares em Altaneira.

Outro problema que os partidos enfrentarão nos próximos será em relação a candidaturas das mulheres, na oposição nenhuma mulher se apresentou como pré-candidata.

Os partidos têm até 12 de abril para enviar, pela Internet, as relações atualizadas dos filiados à Justiça Eleitoral. As listas devem conter a data de filiação e os números dos títulos e das seções eleitorais em que os filiados às legendas estiverem inscritos
__________________________________
Publicado originalmente no Blog de Altaneira.

Postar um comentário

0 Comentários