Câmara aprova PEC Emergencial, que beneficia bancos em troca de auxílio emergencial

 

Jair Bolsonaro e Arthur Lira. (FOTO/ Reprodução).

Por Nicolau Neto, editor

A Câmara Federal aprovou na madrugada de hoje, 10, o texto base da Proposta de Emenda à Constituição 186/19, a PEC Emergencial. Foram 341 deputados/as a favor e 121 contrários/as.

Conforme informou o site Fórum, a PEC impõe um grande arrocho nas contas públicas, ao passo que beneficia diretamente as instituições bancárias em troca de um auxílio emergencial que varia entre R$ 175 e R$ 375 pelos próximos quatro meses. 

Ainda de acordo com o texto, o valor para a família monoparental dirigida por mulher será de R$ 375; para um casal, de R$ 250 e para o homem sozinho, o benefício sera de R$ 175.

Postar um comentário

0 Comentários