É sério que tem gente apoiando o que o Bolsonaro falou sobre trabalho infantil? pergunta caririense Kézia Adjane



Kézia Adjane. (FOTO/Reprodução/Facebook).

Texto | Nicolau Neto

Na última quinta-feira, 04, o presidente Jair Bolsonaro defendeu o trabalho infantil em sua live semanal no facebook. “Olha só, trabalhando com 9, 10 anos de idade, na fazenda, não fui prejudicado em nada” chegou a dizer ele.

Um dia depois, voltou a se posicionar favoravelmente aos trabalhos de crianças, agora por outra rede social, o twitter.

Matéria de CartaCapital e publicada pelo Blog Negro Nicolau atestam que de acordo com o Observatório da Criança e do Adolescente, da Fundação Abrinq, quase 6,4% das crianças brasileiras entre 5 e 17 anos de idade trabalhavam em 2016. O cenário piora com os dados do IBGE daquele ano, que apontam que, entre as crianças e jovens de 5 a 17 anos que trabalham, cerca de 21% estavam fora da escola.

A estudante caririense que cursa Medicina Veterinária no Instituto Federal da Paraíba (IFPB), Campus Sousa, Kézia Adjane usou sua rede social facebook para repudiar veementemente as declarações de Bolsoanro e de quem segue esse pensamento.

Na nota, Kezia indaga – “é sério que tem gente apoiando o que o Bolsonaro falou sobre trabalho infantil”? Para ela, quando o presidente afirma ser defensor do trabalho na infância está “se referindo a jornadas exaustivas com privação de educação de qualidade”. “Ele está se referindo a crianças que eu vejo TODOS OS DIAS enquanto vou pra faculdade, crianças deixando de estudar para vender balas e pedir dinheiro na rua, crianças que estão tendo o seu futuro prejudicado porque o presidente de vocês acham que isso é normal”, disse a universitária.

Abaixo íntegra da nota:

É sério que tem gente apoiando o que o Bolsonaro falou sobre trabalho infantil? gente, ele não está se referindo a ajudar os pais por algumas horas no comércio sem prejudicar a escola(e olha que isso já é muito difícil para um adulto, me refiro a estudar e trabalhar, imagine para uma criança!), ele está se referindo a jornadas exaustivas com privação de educação de qualidade(que já é praticamente inviável), a salários abaixo da média, a abusos e a dificuldade de uma vida melhor.Ele está se referindo a crianças que eu vejo TODOS OS DIAS enquanto vou pra faculdade, crianças deixando de estudar para vender balas e pedir dinheiro na rua , crianças que estão tendo o seu futuro prejudicado porque o presidente de vocês acha que isso é normal(atente-se ao fato que nenhum filho dele precisou trabalhar na infância, me atrevo a dizer que até hoje, já que só servem para cuidar de laranja). "Ah, mas eu trabalhei muito na infância e não me prejudiquei em nada" certeza? se não tivesse sido prejudicado não estaria repetindo um discurso assim e apoiando um presidente desse nível.Não é pq foi difícil para a SUA geração que precisa ser difícil para todas as outras!ACORDEM!

Postar um comentário

0 Comentários