Dia da Independência será marcado por protestos #ForaBolsonaro

 

(FOTO/ Yago Rodrigues/Alma Preta Jornalismo).


O feriado de 7 de setembro, Dia da Independência, será marcado como mais uma data de reinvindicação. Em todo o Brasil, protestos contra o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) foram articulados por movimentos sociais, entidades e frentes políticas. Ao todo, segundo levantamento realizado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), mais de 200 cidades - no Brasil e exterior - estão com atos confirmados.

Para a Coalizão Negra por Direitos, em publicação via redes sociais, a população negra deve comparecer ao ato para pressionar uma gestão que ameaça ao povo preto, das periferias, das favelas e dos quilombos brasileiros. “Nem bala, nem fome, nem Covid! O povo negro quer viver!”, exclama a organização.

No Recife, o ato Fora, Bolsonaro se soma ao tradicional Grito dos Excluídos. Em sua 27ª edição, a ação traz às ruas o tema “Na luta por participação popular, saúde, comida, moradia, trabalho e renda já!”. Com concentração marcada para às 10h, ativistas e populares saem da Praça do Derby, região central do Recife, seguem pela Avenida Conde da Boa Vista e finalizam na Praça do Carmo.

As organizações reiteram o uso de máscara PFF2, álcool-gel nas mãos e e a necessidade de manter-se em locais arejados. Articuladores ainda pedem que, caso tenha algum sintoma gripal, o melhor a ser feito é ficar em casa.

__________

Com informações do Alma Preta.

Postar um comentário

0 Comentários