Camilo encaminha à Assembleia projeto que institui cota para negros em concursos públicos do Ceará

 

Camilo encaminha à Assembleia projeto que institui cota para negro em concursos públicos do Ceará. (FOTO/ Reprodução).

Por Nicolau Neto, editor

Na manhã desta quinta-feira (25), o governador do Estado do Ceará, Camilo Santana (PT), usou as redes sociais para informar que encaminhou à Assembleia Legislativa um Projeto de Lei que institui cota de 20% para negros em concursos públicos do Estado.

Segundo Camilo, o proposta visa “combater a desigualdade racial” e está amparada “na Lei Federal 12.288, que institui o Estatuto da Igualdade Racial”.

Vista como uma política pública afirmativa, o governador frisou ainda que o projeto é fruto de uma reivindicação antiga dos movimentos sociais que tem na professora Zelma Madeira, assessora especial de Acolhimento aos Movimentos Sociais, um braço forte nessa luta.

A nossa medida acolhe uma demanda antiga dos movimentos sociais, que têm a luta antirracista como pauta central”, disse.

A assinatura do projeto contou ainda com a participação de Izolda Cela, vice-governadora e de Zelma Madeira.

População Negra no Ceará

Segundo dados divulgados no início deste ano pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece) e publicado neste Blog, a população negra do Estado do Ceará teve um leve aumento de 1,5% se comparado aos dados divulgados tendo como base o ano de 2018. Naquele levantamento, 71% da população cearense se autodeclarou negra. Agora esse número subiu para 72,5%, sendo 67,4% de pardos e 5,1% de pretos.

Altaneira

Este editor elaborou durante a campanha eleitoral de 2020 um plano de combate ao racismo e de promoção da equidade racial para Altaneira. Dentre as propostas está essa que o governador Camilo encaminhou para a Assembleia. (Releia clicando aqui).

Postar um comentário

0 Comentários