Apenas duas candidaturas às prefeituras do cariri tem propostas com foco na pauta racial

 

Pauta racial nos programas de governo. (FOTO/ Reprodução).

Por Nicolau Neto, editor-chefe

De acordo com dados publicados em 2019 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) a partir da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua 2018 e divulgado aqui neste Blog, entre 2012 e 2018 o número da população do Estado do Ceará que se declarou preta dobrou, contando com 5,3% e o número de pardos atingiu o índice de 65,7%. Somando pardos e pretos, o número de negros no Ceará atinge 71%.

Tanto para o IBGE quanto para o Estatuto da Igualdade Racial, a população negra é definida pela soma de pretos e pardo. O número de pardos em Altaneira, por exemplo, equivale a 63,5% e de pretos/as ficaram na casa dos 7,5%. A população negra de Altaneira chega a casa dos 71%. Apesar dos números, essa maioria não é verificada nos espaços de tomada de decisão. Muito ao contrário.

Baseado nesses números o Blog Negro Nicolau realizou uma checagem dos planos de governos de candidatos e candidatas às prefeituras de 10 municípios da região do cariri em que pese a propostas que visem a construção da equidade racial e de gênero. Os municípios analisados foram Antonina do Norte, Altaneira, Araripe, Crato, Jardim, Jati, Juazeiro do Norte, Nova Olinda, Potengi e Santana do Cariri.

Dos planos de governos analisados, apenas dois deram foco a pauta racial por meios de itens específicos. Destaque aqui para a candidata à prefeitura de Crato, Zuleide Queiroz, e o candidato à prefeitura de Juazeiro do Norte, Demontieux Fernandes. Ambos concorrem pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL).

Os/as demais ou não apresentam nenhuma proposta sobre o combate ao racismo, ao preconceito, a discriminação e sobre a construção da equidade racial e de gênero em todos os setores da administração pública ou apresentam de forma genérica e superficial, sem no entanto, detalhar o que poderá ser feito a respeito. Outros ainda chegaram a mencionar de forma muito tímida e que se limitou a uma ou duas propostas. É o caso da candidata a prefeitura de Nova Olinda, Socorro Matos (PT); do candidato a prefeitura de Santana do Cariri, Vicente Brilhante (PDT); Glêdson Bezerra (Podemos) e Nelinho (PSDB), ambos concorrente a prefeitura de Juazeiro do Norte; Edson Veriato, candidato ao executivo de Potengi (PSOL) e Késia Alcânta (PDT), candidata a prefeita de Altaneira.

Além de analisar minuciosamente cada programa de governo, o Blog também utilizou a caixa de pesquisa nos documentos e usou palavras como “racismo”, “discriminação”, “preconceito”, “negro/a”; “preto/a”, “pardo/a”, “equidade racial e de gênero” e “antirracismo”. Em alguns, essas palavras não apareciam.

Já as candidaturas de Zuleide Queiroz (PSOL/Crato) e Demontieux Fernandes (PSOL/Juazeiro do Norte) a pauta racial é prioridade em seus programas. Ambos destacam o item “Combate ao Racismo”.

Apesar das população negra constituir a maioria, o racismo se expressa na cultura e nas instituições, por isso o trabalho de escuta permanente das reivindicações do povo passa por compreender a importância do debate racial. Para combater o racismo é necessário adotar medidas concretas que visem a valorização da vida e cultura do povo negro e indígena. Enfrentar as desigualdades e afirmar a cidadania em todas as esferas. Disseminar o debate sobre a questão racial e desmantelar as formas de discriminação presentes no cotidiano”, descreveu a candidata Zuleide Queiroz que apresentou aqui 13 propostas.

Já Demontieux que apresentou 15 proposta ressaltou “A violência racista acompanha a história do Brasil. Um processo secular de extermínio e escravidão fez parte da formação da sociedade brasileira, deixando como consequência o racismo em sua estrutura, falsiëcado pela ideologia de um país racialmente democrático.”

A redação do Blog deixa o espaço aberto para que as candidaturas possam se manifestar sobre através dos contatos:

Correio Eletrônico: nicolauhistoria@gmail.com

WhatsApp: (88) 9 9242 9739

Postar um comentário

0 Comentários