Leci Brandão representará o Brasil em evento com os afrodescendentes mais influentes do mundo

 

Leci Brandão é o terceiro brasileiro a representar o país no MIPAD. (FOTO/ Marcos Hermes).

Da próxima sexta-feira (2) até o domingo (4) será realizada mais uma edição do Most Influential People of Africa Descent (MIPAD), em Nova Iorque (EUA). O evento, realizado desde 2017, homenageia as 100 personalidades negras mais influentes do mundo. Tradicionalmente, o MIPAD acontece após a abertura da Assembleia Geral das Nações Unidas, porém, devido à pandemia, este ano será on line.

Este ano, para representando o Brasil, Leci Brandão foi convidada pela empresária e diretora do Movimento Black Money, Nina Silva.

Segundo Leci Brandão, a indicação do nome dela para representar o país no evento chega a ser uma surpresa. “Estou muito surpresa. Minha carreira artística está parada por conta do mandato. Eu sou conhecida mesmo como artista, eu estou parlamentar. Mas é bom, é gratificante, sou muito grata a Deus por ter sido escolhida”, agradeceu.

O MIPAD tem como objetivo homenagear artistas e cidadãos que lutam contra o racismo e outros tipos de opressão contra a comunidade negra e conta com quatro categorias: Política e Governança, Negócios e Empreendedorismo, Mídia e Cultura e Empreendimentos Humanitários. O casal brasileiro Taís Araújo e Lázaro Ramos são algumas das personalidades que já receberam o prêmio, assim como as cantoras as cantoras Beyoncé e Rihanna, o jogador de basquete Lebron James, a tenista Serena Williams, o jogador de futebol Paul Pogba, Chadwick Boseman (o Pantera Negra), o piloto de Fórmula 1, Lewis Hamilton e o corredor Usain Bolt.

_______________________

Por Igor Rocha, no Notícia Preta.

Postar um comentário

0 Comentários