Escola Santa Tereza, em Altaneira, funcionará em tempo integral

 

Escola Santa Tereza, em Altaneira, funcionará em tempo integral. (FOTO/ Reprodução/ Instagram).

Em reunião realizada na manhã desta terça-feira (11/01) reuniram-se presencialmente, pela primeira vez desde a decretação da pandemia do novo Coronavírus, gestores, servidores, pais e estudantes da Escola Estadual Santa Tereza para deliberar sobre o início do ano letivo de 2022.

Na ocasião, observando todos os cuidados sanitários contra o contágio do vírus, o diretor Paulo Robson, auxiliado pelos demais membros da equipe de gestão da escola, professor Adeilton Silva (Coordenador), Douglas Romeiro (Assessor Financeiro) e Romário Feitosa (Secretário), apresentaram a proposta da Secretaria da Educação do Estado em converter a Escola Santa Tereza em Escola de Ensino Médio em Tempo Integral (EEMTI).

A princípio, foram apresentadas as principais características de uma Escola Estadual em Tempo Integral e a evolução histórica das mesmas em todo o estado do Ceará desde 2016, totalizando 261 em 2022.

O coordenador escolar, professor Adeilton Silva, ressaltou que, a partir de 2022, será obrigatório a implantação do Novo Ensino Médio em todo o país e que, com a conversão da escola em TI facilitaria muito a adaptação dos jovens altaneirenses.

Foram discutidos também vários assuntos referentes às melhorias (estruturais e pedagógicas) que serão ofertadas aos estudantes do ensino médio de Altaneira, enfatizando que tal mudança ocorrerá apenas para as turmas de 1ª série em 2022. Os estudantes de 2ª e 3ª séries continuarão estudando em período parcial até que toda escola conclua a transição em 2024.

Para encerrar, o diretor frizou que também será ofertada uma turma de 1ª série para aqueles jovens que optarem continuar seus estudos na modalidade parcial, no turno noturno, bem como uma nova turma de Educação de Jovens e Adultos para aqueles que, em algum momento da vida, precisaram interromper seus estudos.

Não há dúvidas do quanto a escola em tempo integral pode favorecer na melhora de aprendizagem dos jovens. Não é só a questão do tempo do estudante na escola, isso já conta muito, mas também do leque de oportunidades que se apresenta para ele. Fico muito feliz com a decisão da comunidade em abraçar essa proposta e bastante esperançoso com o futuro de nossos jovenssustentou o diretor Paulo.

Após ampla discussão a proposta de conversão da escola para funcionamento em tempo integral foi aprovada por unanimidade e as informações necessárias já foram encaminhadas à 18ª Crede para continuidade no processo.

O diretor Paulo Robson usou as redes sociais para comunicar a decisão a comunidade escolar.

_______

Com informações do BA.

Postar um comentário

0 Comentários