Mulher terá que trabalhar mais 7 anos para se aposentar. Homem, mais 5 em nova idade proposta por Bolsonaro


Jair Bolsonaro. (Foto: Adriano Machado/Reuters).
Jair Bolsonaro vai cumprir mais uma proposta de campanha. Mulheres e homens terão - se quiserem usufruírem da aposentaria -, que trabalharem mais 7 e 5 anos, respectivamente.

A idade mínima de aposentadoria da reforma da previdência que deverá ser encaminhada pelo presidente ao congresso fixa em 65 anos para homens e 62 para mulheres em uma transição de 12 anos.


De acordo com informações veiculadas no O Globo, Rogério Marinho, secretário especial de Previdência, teria afirmado que o texto será assinado por Bolsonaro na próxima quarta-feira,20, e encaminhado à Câmara dos Deputados.

O texto é um tapa na cara daqueles que trabalham de sol a sol e sequer terão tempo suficiente para descansarem com tranquilidade, visto que terão que trabalhar mais. As mulheres sofrerão os maiores impactos, correndo o risco, junto com os homens, de terem seus salários reduzidos.

Como o Brasil é um dos países mais desiguais do mundo e a política de atenção básica a agricultores e agricultoras é quase nula, principalmente depois do golpe jurídico-midiático-parlamentar de 2016, poucos/as conseguirão gozar da aposentaria.

Postar um comentário

0 Comentários